Santuário do Monte Serrat será reaberto ao público.

No dia 14, às 11 horas, será reaberto o Santuário de Nossa Senhora do Monte Serrat com missa solene presidida por Dom Jacyr Francisco Braido, bispo diocesano de Santos. Para que todos os fiéis possa acompanhar a solenidade, serão colocados dois telões em frente ao Santuário. O bonde que sobe o Monte Serrat terá a passagem reduzida (R$ 10,00 durante o dia, das 9 às 16 horas).

A celebração marca o término das obras da restauração do Santuário, que iniciaram em janeiro de 2009. “Patrimônio histórico e religioso de Santos, o Santuário, que é uma das principais igrejas construídas no País, teve sua restauração orçada no valor de R$ 700 mil. Para isso, não foram poucos os esforços de fiéis e colaboradores de toda a Cidade com donativos em prol da restauração”, explica padre José Myalil Paul, pároco da Catedral, responsável pelo Santuário.

A lista de equipamentos restaurados inclui: a fachada, o piso, as pinturas, as esquadrias, o reboco, as instalações elétricas e hidráulicas, o coro, o púlpito, o velário e o arco do cruzeiro. A criação de mais janelas e a ampliação da sala de milagres também fizeram parte dessa obra.

Assim, centenas de objetos e fotos de pessoas que foram agraciadas pela Padroeira de Santos poderão ser vistas na nova sala de milagres. A fé será manifestada também pela ‘vela virtual’. Na secretaria, computadores estarão disponíveis para que o fiel realize sua oração através da vela acesa na Internet.

“Outra novidade do Santuário é o retorno da Pia Batismal, onde será celebrado esse sacramento a partir do ano que vem”, conta Pe. José Myalil. Já em agosto, algumas atividades pastorais estarão sendo realizadas no Santuário: Pastoral da Criança, da Catequese Eucarística, da Liturgia, dos Jovens e grupo de oração. E sempre aos domingos, às 16 horas, será celebrada a Santa Missa.

Com o passar do tempo, padre José Myalil pretende abrir uma lanchonete próxima do Santuário, “como forma de captar algum recurso em prol dos serviços pastorais da comunidade e para a manutenção do local”. O padre convida também pastorais e comunidades da Diocese a agendarem visitações, celebrações e eventos no Santuário.

Histórico

A Capela de Nossa Senhora do Monte Serrat, em Santos, foi construída entre o período de 1599 a 1609, às expensas de D. Francisco, 7º Governador-Geral do Brasil. A edificação foi mantida pela Ordem de São Benedito até o século XX. A partir de 1º de maio de 1969, a capela é entregue à Mitra Diocesana de Santos.

Após a tomada da posse, o templo passa por uma série de reformas. Dez anos depois, em 1979, ocorre a então última reforma na capela. Já em 1996, O Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Santos tomba o edifício e, em 20 de agosto de 2006, ele é constituído como “santuário diocesano”. Seu primeiro reitor foi o Monsenhor João Joaquim Vicente Leite.

http://www.jornaldaorla.com.br

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s