Emissário será palco de evento alusivo ao Dia de Luta Antimanicomial

Encontro que visa à integração social dos pacientes de Saúde Mental da região será realizado pela prefeitura na próxima quinta-feira (17), das 14 às 18 horas, no Parque Municipal Roberto Mário Santini (emissário submarino), no José Menino. O evento Mente Aberta: Construindo a Inclusão, promovido pela SMS (Secretaria Municipal de Saúde), é aberto ao público, sendo alusivo ao Dia Nacional de Luta Antimanicomial (18 de maio).

A atividade contará com usuários e profissionais da rede de Saúde Mental de Santos – formada por cinco Naps (Núcleo de Apoio Psicossocial), três CVC (Centros de Valorização da Criança), Secerpa (Seção Centro de Referência Psicossocial do Adolescente), Serp (Reabilitação Psicossocial) Selab (Lar Abrigo), Senat (Núcleo de Atenção ao Tóxicodependente), Seceprev (Centro de Prevenção ao Uso de Substâncias Psicoativas), além da equipe do Consultório na Rua – que realiza o atendimento de usuários de drogas em situação de rua que não procuram os serviços de saúde.

Na programação: aula de dança de rua, ritmos brasileiros e zumba, com os professores Ricardo Andrade e Ratto, além das apresentações do Grupo Batucaps (formado pelos usuários do Caps de São Vicente), Nó no Samba e bateria de samba (ambos da Unifesp), rap e dança de rua pelos usuários do Naps II, além do Teatro do Oprimido, oficina de música com usuários da Senat, exposição de trabalhos de mosaico e encadernação de pacientes da Serp e do veículo do Consultório na Rua.

Também haverá distribuição de lanche (frutas, bolachas e chá gelado), pipoca e algodão doce. E, exclusivamente para a criançada, estão previstas atividades lúdicas dos Voluntários do Riso, pista de skate com monitores e uso do playground do parque. “O evento vem solidificar que a atenção e atendimento ao paciente de Saúde Mental devem ser feitos em liberdade, promovendo a reabilitação, reinserção social e solidariedade e preservando os direitos humanos”, explica a coordenadora de Saúde Mental da SMS, Dorian Rojas.

A iniciativa conta com a parceria do Grupo de Articulação em Saúde Mental e Direitos Humanos – que reúne representantes de universidades, profissionais de saúde, ONGs e Conselho Regional de Psicologia – e das secretarias municipais de Assistência Social, Comunicação, Cultura, Defesa da Cidadania, Educação, Esportes, Meio Ambiente e Segurança.

Data

O Dia Nacional de Luta Antimanicomial é celebrado no dia 18 de maio, pois foi nesta data, em 1987, que ocorreu o encontro dos trabalhadores de saúde mental na cidade de Bauru. O evento foi conseqüência do Movimento Antimanicomial – processo técnico e político de transformação dos serviços psiquiátricos, derivado de uma série de eventos nacionais e internacionais

Boqnews

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s