Dia de Santa Sara será comemorado na Lagoa da Saudade, em Santos

Para comemorar o Dia de Santa Sara Kali e o Dia Internacional dos Ciganos, haverá programação festiva, sábado (26), na Lagoa da Saudade, no Morro da Nova Cintra, próximo à gruta da padroeira dos ciganos. Músicas, danças e artesanato típicos desse povo milenar poderão ser apreciados a partir das 15 horas. A programação prevê oráculos de adivinhação, exposição e praça de alimentação.

Às 17h30, a Banda Santista de Repertório abre oficialmente o evento; às 18h30, será celebrada missa na Igreja São João Batista, seguida de procissão até a gruta. A organização da festa, que vai até as 22 horas, é da Coordenadoria de Promoção da Igualdade Racial e Étnica, com apoio do Departamento de Administração Regional dos Morros.

 

 

Boqnews

‘Festival Cultura Inglesa’ começa sexta-feira em Santos

George Harrison: Living in the Material World. O documentário sobre a vida do ex-Beatle, dirigido por Martin Scorsese, é apenas um aperitivo para adeptos e curiosos sobre parte do que vem do país da rainha. De amanhã ao dia 3 de junho, Santos recebe o Festival Cultura Inglesa, mescla de cinema, shows e exposição em vários locais da Cidade, a maioria com entrada franca. A expansão oficial do evento a Santos é uma das novidades desta edição.

“O crescimento em número de atrações leva à popularização da cultura britânica, um dos nossos focos” afirma Laerte Mello, gerente cultural da Cultura Inglesa. Na área da música, de acordo com ele, as bandas terão um recorte mais contemporâneo em relação ao evento anterior, uma vez que são voltadas para o cenário musical das duas últimas décadas no Reino Unido. Caso da londrina We Have Band, composta por Darren Bancroft, Dede Wegg-Prosser e Thomas Wegg-Prosser, trio que mescla o groove do Talking Heads às melhores batidas eletrônicas ao estilo hot chip.

Daqui, destaque para a Banda UÓ, vencedora na categoria Melhor Webclipe de 2011 no Video Music Brasil, da MTV. O trio, que toca os sucessos do The Smiths, foi escolhido pelos próprios alunos da Cultura Inglesa por meio da votação online Let’s Rock Together. Igualmente escolhida na ação on-line, completa a agenda a banda Broth3rhood, formada por estudantes da Cultura Inglesa, que faz um rock mais cru influenciado pelo Arctic Monkeys.

O som com as três atrações vai rolar dia 3 de junho, às 18 horas, na Capital Disco, com entrada gratuita e por ordem de chegada, a partir das 17 horas. Antes, para aquecer a galera, dia 2 de junho, na Seven Disco, o agito será a cargo do DJ escocês Funk D’ Void, considerado atualmente um dos mais incríveis e excitantes produtores da cena house mundial. A noite terá, ainda, o set de Renato Cohen, produtor e DJ.

Na telona

Outro ponto forte do festival é a Mostra Panorama do Cinema Britânico Contemporâneo, de 30 deste mês a 1o de junho, no Espaço Unibanco Miramar. As sessões gratuitas são às 15, 17 e 19 horas, mas é preciso retirar o ingresso uma hora antes na bilheteria. Na programação há a ficção Ataque ao Prédio, que mistura comédia e drama; Toast, do mesmo roteirista de Billy Elliot; George Harrison: Living in the Material World; o premiado Weekend; e o documentário O Caramanchão.

Ataque ao Prédio é uma coprodução entre Reino Unido e França, dirigida pelo ator, humorista e escritor Joe Comish. Conta a história de uma hilária e inusitada invasão alienígena em um conjunto habitacional do subúrbio de Londres. O drama de Nigel é o foco de Toast. Enquanto cresce em uma casa na qual a comida enlatada é considerada mais gostosa, ele suplica por comida de verdade. Amante de livros de receitas, Nigel observa de longe as delícias expostas nas lojas da cidade.

George Harrison: Living in the Material World é construído por imagens de arquivo e depoimentos de Eric Clapton,  Terry Gilliam, Paul McCartney, Ringo Starr, Eric Idle e Yoko Ono, entre outros. Traça a trajetória do artista do início da carreira, em Liverpool, aos últimos anos de vida. Em Weekend, o que poderia O dj Funk D’Void, ícone da cena house, é a atração principal da noite do dia 2 de junho na Seven Disco ser apenas mais um sexo casual se transforma em um final de semana especial e inesquecível, compartilhado entre osprotagonistas, que veem suas vidas mudarem para sempre.

Episódios da vida da escritora inglesa Andrea Dunbar (1961-1990, autora da peça que deu origem ao filme Rita, Sue e Bob Nu)estão em O Caramanchão, construído a partir de depoimentos gravados com personagens reais e depois dublados por atores. Fãs dos curtas-metragens assistirão três produções nacionais a partir de obras do Reino Unido: Os Barcos (inspirado em As Ondas, de Virginia Woolf), Pequenos (no romance irlandês Paddy Clarke Há Há Há, de Roddy Doyle) e Um Pouco Mais de Tempo (na música I Wanna Hold Your Hand, dos Beatles). Ficarão em cartaz apenas de amanhã a dia 31.

O Festival Cultura Inglesa terá, ainda, a exposição Universo Esportivo Britânico, com diversas histórias sobre futebol, Fórmula- 1, tênis, rúgbi e críquete, na Cultura Inglesa.

Serviço

Banda UÓ – Broth3rhood – We Have Band
Quando: 3 de junho
Horário: 18 horas
Onde: Capital Disco – Avenida Francisco Glicério, 206
Preço: Entrada gratuita e por ondem de chegada, a partir das 17 horas

Dj Fund D’ Void
Quando: 2 de junho
Horário: 22 horas
Onde: Seven Disco – Avenida Senador Feijó, 557
Preço: R$30 e R$50 (com consumação)

Mostra Panorama do Cinema Britânico Contemporâneo
Quando: 1 de junho
Horário: 15, 17 e 19 horas
Onde: Espaço Unibando Miramar – Avenida Marechal Floriano Peixoto, 44
Preço: Entrada gratuita, mas é preciso retirar o ingresso uma hora antes na bilheteria

Exposição Universo Esportivo Britânico
Quando: ao longo do festival
Horário: durante o funcionamento da escola Cultura Inglesa
Onde: Cultura Inglesa – Avenida Conselheiro Nébias, 569

 

 

A Tribuna

Enhanced by Zemanta