Apesar da chuva, Estação Bistrô lota durante os feriados

O sorriso fácil e a animação de Arnaldo Lafuente Jr. retrataram nesta segunda-feira (11) o resultado do primeiro final de semana do restaurante-escola Estação Bistrô, aberto ao público no último dia 5: 85 pratos servidos na quarta (6), 139 no dia seguinte (7), 124 na sexta (8) e 135 no sábado (9), totalizando 483 clientes.

“Esse movimento é excelente”, avaliou o coordenador do espaço, considerando o tempo instável que predominou. Segundo Lafuente, mais cedo do que o esperado o restaurante alcançará a meta de 150 refeições/dia. Em um restaurante por quilo, o giro é de três clientes por lugar, ao passo que no executivo, perfil do Estação Bistrô, esse número cai para dois. “O restaurante-escola acomoda 80 pessoas, o que significa 160 clientes por dia. E estamos muito próximos disso”.

Lafuente diz que os 20 alunos estão envolvidos e colocando em prática o que vêm aprendendo. “Diariamente, percebemos uma melhora. Embora ainda um pouco nervosos, eles estão cada vez mais eficientes, rápidos e cometendo menos erros”. Em sua opinião, entre três e quatro semanas, terão adquirido o traquejo esperado.

Entre as falhas, cita pequeno número de pedidos errados, eventual demora para servir e alguns copos quebrados. “Mas nada disso afeta o operacional e acontece em muitos restaurantes tradicionais,” assegura, com a experiência de consultor gastronômico, chefe de cozinha, proprietário de um estabelecimento no Centro Histórico e de quem está no ramo há mais de 20 anos.

Cardápio


Além do cardápio fixo, com dois antepastos, cinco saladas, sete pratos principais, quatro sobremesas e frutas da época, o Estação Bistrô oferece três pratos do dia, ao preço fixo de R$ 19,50, e uma sobremesa do dia, a R$ 4,50.

O restaurante-escola funciona de terça a sábado, das 12h às 15h, no térreo da Estação do Valongo (Largo Marquês de Monte Alegre, 1, Centro Histórico).

O cardápio desta semana é o seguinte:

Quarta-feira (13)
Rondelli de queijo e presunto
Bisteca à moda
Linguado à belle meunière

Quinta-feira (14)
Talharim à parisiense
Espetinho misto à gaúcha
Sobrecoxa de frango com molho de laranja

Sexta-feira (15)
Fricassê de frango
Linguado à baiana
Filé mignon à cubana

Sábado (16)
Penne a quatro queijos
Risoto de carne seca
Bife à rolê com polenta

2 pensamentos sobre “Apesar da chuva, Estação Bistrô lota durante os feriados

  1. Em meados do mês de julho almocei com amigas no bistrô restaurante e fiquei bastante impressionada positivamente com a qualidade do serviço. Tudo foi muito bem servido e todo o protocolo impecavelmente praticado. Era dia de semana, pouco movimento e muito bom astral. Ontem, sábado dia 28/julho, retornei ao restaurante com minha família e amigos íntimos. Estávamos em um grupo de 9 pessoas. Acontecia logo em frente, um evento motociclístico e havia muito movimento. Obviamente percebemos que não seríamos atendidos prontamente. Entretanto, causou-me desconforto e indignação acompanhar que a funcionária que administrava a fila de espera, passou a desmembrar as mesas, tornando impossível nosso atendimento e – para revolta do meu grupo – atendendo, após mais de 1 hora de espera, pequenas famílias de 3 ou 4 pessoas recém chegadas em nossa frente. Na estação bistrô, infelizmente falta um gerente que administre movimento acima do normal. Fiquei seriamente decepcionada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s