Galeria subterrânea descoberta no Gonzaga será registrada no Iphan

galeria

A descoberta da galeria subterrânea na avenida Ana Costa (Gonzaga), entre a praça da Independência e a orla, começa a ter novos desdobramentos. A prefeitura envia nesta terça (9) o registro da área ao Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) para que seja definida como de interesse nacional.

O anúncio foi feito nesta segunda (8) à tarde pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa, durante coletiva à Imprensa, no paço municipal. Ele também citou a construção de uma estrutura com vidro para visualização do ambiente e um totem com informações sobre o local. “Vamos explorá-lo turisticamente”, disse o prefeito.

A entrevista foi ilustrada com vídeo mostrando fotos, mapas e croqui (desenho) do local. Foram exibidas duas garrafas de vinho, frascos de remédio e dois tijolos de fabricação antiga encontrados no local. “As garrafas nos remetem para o século XIX”, afirmou o arqueólogo Manoel Gonzalez, do Centro Regional de Pesquisas Arqueológicas.

De acordo com o prefeito, a partir de agora, toda obra subterrânea terá acompanhamento arqueológico. Para isso foi formada equipe multidisciplinar, com arqueólogos, historiadores, engenheiros e arquitetos. Os trabalhos de prospecção no Gonzaga vão continuar com a ajuda de equipamentos (munidos com câmeras) e escavação manual, sem atrapalhar as obras de reurbanização do eixo turístico.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s