City Tour – Santos História e Religião – 29/07

O City Tour – Santos História e Religião – é um passeio pelos principais pontos turísticos da cidade contando sua importância histórica e curiosidades.

city tour

Data: 29 de julho de 2017

Ponto de Partida: Igreja do Embaré

Ponto de Chegada: Pinacoteca Benedicto Calixto

Tempo de duração: 3 horas

Valor: R$60 por pessoa

Incluso: aula com o Professor José Marques, guia cadastrado MTUR, transporte.

Horário de início: 8:30 h

Horário de término: 12 h

Pagamento via PagSeguro

Roteiro:

Na Igreja do Embaré o visitante conhecerá sua história, arquitetura e curiosidades da Basílica Menor de Santo Antônio do Embaré. Aprenderemos a diferença entre igreja, paróquia, basílica e catedral.

Seguiremos em um passeio panorâmico pela cidade até o Centro Histórico onde faremos um passeio saindo da Praça Mauá – o coração do Centro Histórico – conhecendo seus principais pontos turísticos como: Igreja Nossa Senhora do Rosário, Teatro Guarany, Cadeia Velha, Mosteiro de São Bento, Igreja do Valongo, Estação do Valongo, Casarões do Valongo, Casa da Frontaria Azulejada, Museu do Café (com visitação), Associação Comercial, Palácio José Bonifácio, Casa do Trem Bélico, Outeiro de Santa Catarina, Teatro Coliseu, Catedral de Santos, Fonte do Itororó e Monte Serrat. 

Retornaremos ao ponto de partida com parada na Pinacoteca Benedicto Calixto para apreciação de sua história e obra.

O passeio será guiado por guia cadastrado e com aula do professor Marques.

Sobre o Professor

Licenciado em Artes Visuais pela Universidade Santa Cecília, atua como artista plástico e restaurador de Arte Sacra, onde fez parte da equipe de restauro da Basílica de Santo Antonio do Embaré em Santos, tendo estudado também com Claudio Plastro, um dos principais artistas sacros da atualidade, falecido em 2016 (responsável pela decoração interna do Santuário nacional de Aparecida). Professor de ensino técnico profissionalizante pela CEETPS, nas Etecs Aristóteles Ferreira e Dona Escolástica Rosa, no Ensino de História da arte, cultura brasileira, manifestações populares para os cursos  técnicos de agenciamento de viagem e eventos. Ainda no campo de produção das artes plásticas, desenvolve pinturas a óleo sobre tela, e esculturas em materiais diversos e em grandes dimensões, já tendo inclusive trabalhado em carros alegóricos para escolas de samba e blocos carnavalescos da região.                        

 

Incentivador da cultura regional e da perpetuação da memória do folclore santista, dirige o grupo teatral “Incena Santos”, composto em sua maioria por jovens estudantes, dramatiza lendas e histórias, já tendo produzido um curta metragem.

Ingressos: https://pag.ae/bhlZPst

Anúncios

Programação Santos Café 2017

festival santos café 2017

A programação da terceira edição do evento, que prossegue até dia 9 com mais de 70 atrações, será aberta às 18h do dia 7, no Museu do Café, com a inauguração da exposição “Sin café no hay mañana”, da fotógrafa Letícia Freire.

Peninha & Banda, se apresentam no primeiro show do Festival Santos Café, dia 7, às 20h, no palco da Rua XV.

Kika Willcox & Alexandre Blanc recepcionam o público do museu, a partir das 17h, com repertório MPB; das 18h às 21h, haverá visita noturna gratuita, e às 18h30, degustação de uma dose de shake de sorvete de café para os 50 primeiros visitantes da cafeteria.

Paralelamente, restaurantes e bares do Centro promovem happy hour.

DIA 8

Jovens do projeto Orquestra na Rua começam seus ensaios às 10h do dia 8, na Praça Mauá, onde se apresentam às 16h. Uma hora depois, o Quarteto de Cordas Martins
Fontes apresenta-se no bulevar da Rua XV, enquanto Kleber Serrado & Choro de Bolso levam sua música, às 12h, na Estação do Valongo.

No palco da XV, a programação vai de Roda de Samba do Ouro Verde, Samba no Salto e show com Nuno Mindelis & Banda, com repertório de jazz e blues, às 14h, 16h e 18h, respectivamente.

O grupo Choro & Afins é a atração das 15h no Museu Pelé, enquanto na Casa da Frontaria Azulejada haverá Jazz na Roda, com Maurício Fernandes & Banda, e Velha Guarda,
espetáculo que une o Balé da Cidade e a Velha Guarda da X-9, às 15h e 16h30, respectivamente.
ENCERRAMENTO

O último dia do festival começa com a música do grupo Pra que chorar & Jorge Maciel, às 11h, no bulevar da Rua XV, enquanto a Serenata Tempo de Sonhar e a Banda Querô-Arte no Dique ocupam, às 12h e 16h, a Estação do Valongo. O grupo Santa Quizumba &
Convidados leva o Komboio Cultural, das 12h às 14h30, à Praça Mauá.

Às 14h, o palco da XV recebe Tributo à Portela, com Tuca Pelegrino & Banda e, na Casa da Frontaria Azulejada, Vish!, apresentação de música instrumental. Kika Willcox & Banda ocupam o palco às 16h e, meia hora depois, o espetáculo Velha Guarda é reprisado
na Frontaria. Com show marcado para as 18h, na XV, a banda Blues Beatles
encerra a programação do festival.