História de vida e superação de um surfista biamputado chega aos cinemas

Pauê treinando no litoral de São Paulo. Foto vencedora do prêmio ‘Retrospectiva Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos no Estado de São Paulo (Arfoc-SP) 2011′

Pauê treinando no litoral de São Paulo. Foto vencedora do prêmio ‘Retrospectiva Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos no Estado de São Paulo (Arfoc-SP) 2011′

O filme “Pauê – O Passo de Um Vencedor” registra a vida e os momentos de superação do cidadão e atleta que aos 18 anos sofreu um grave acidente onde perdeu parte das pernas, mas que por meio do esporte conseguiu superar limites e barreiras que a vida lhe trouxe.

O documentário conta patrocínio do Banco Safra e Aspen Farmacêutica, obtidos com recursos da Lei Rouanet de incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, Governo Federal.

“A idéia é fazer com que o telespectador possa refletir sobre os verdadeiros valores humanos, e entender que todos podem ser um vencedor, independente dos problemas ou dificuldades que enfrentam”, afirma Pauê. “Foram cerca de 100 horas de gravação para retratar o dia a dia do Pauê, e entender como ele, apesar das dificuldades, enfrenta desafios, alcança vitórias e incentiva o otimismo e a luta pela felicidade”, explica Fábio de Souza Cappellini, sócio da produtora 1+1 e diretor do documentário.

Com aproximadamente 70 minutos de duração, o filme traz relatos e depoimentos de amigos, familiares e atletas que acompanharam a caminhada de Pauê. Estão entre os participantes: Gabriel O Pensador, músico e amigo; Fábio Paiva, canoísta; Carlos Burle, renomado surfista brasileiro de ondas grandes; Picuruta Salazar, campeão brasileiro de longboard; Otaviano Taiu Bueno, campeão brasileiro de surf e atualmente escritor; e Bruno Aagaard e Cristina Chieffi, irmão e mãe do atleta.

As gravações do documentário se iniciaram em 2009, com a participação do Pauê na corrida de São Silvestre e se encerrou em 2013 com a finalização do filme. Para a realização das gravações do filme, foram percorridos mais de seis mil quilômetros entre gravações, pesquisas e entrevistas.

O filme será exibido em emissoras de TV de canais abertos e fechados, em cinemas e DVD e em exibições ao ar livre, através do projeto Cine Superação. “O projeto “Cine Superação” prevê levarmos a exibição do filme em diversas cidades dos estados brasileiros gratuitamente à população”, explica Cappellini.’

Por: Turismo Adaptado

Santos recebe programa Praia Acessível

cadeira-anfibia-450-governo

A Praia do Canal 3 contará com cadeiras anfíbias, idealizadas para facilitar o banho de mar de pessoas com deficiência. O programa Praia Acessível funcionará aos finais de semana e feriados até o dia 12 de fevereiro, das 10 às 17 horas, com ajuda de instrutores no local. Após a data, o serviço ficará disponível aos finais de semana, no mesmo horário. Trata-se de uma iniciativa da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a prefeitura de Santos, que tem o objetivo de incentivar e promover a inclusão das pessoas com deficiência nas praias.

Lançado em 2010, o programa consiste em oferecer equipamentos e tecnologia para que pessoas com deficiência possam usufruir da praia e do banho de mar com segurança e dignidade. A Secretaria é responsável pelo fornecimento das cadeiras, já a prefeitura, pelas equipes de suporte do programa.

As cadeiras anfíbias são feitas com um tipo de pneu que promove prontidão durante a locomoção na areia, além de não afundar dentro da água. Devido à sua altura, é possível o usuário entrar na água em uma profundidade não perigosa. Existe facilidade na transferência para a cadeira, que possui braços removíveis.

O programa Praia acessível já beneficiou mais 25 mil pessoas com deficiência e pode ser utilizado por moradores ou visitantes da região. A iniciativa acontece também nos municípios de Guarujá, Caraguatatuba, Ilhabela, Bertioga, Mongaguá e São Sebastião.

 

Boqnews

Enhanced by Zemanta

Programa Praia Acessível oferece cadeiras especiais para deficientes

ROGERIO_BOMFIM_5065

Pessoas com deficiência ou dificuldade de locomoção podem participar do programa Praia Acessível, nesta sábado (1º), e tomar banho de mar em cadeiras adaptadas. O programa é promovido nos finais de semana e, neste mês, segue até o dia 30, na praia do Boqueirão, ao lado do canal 3, das 10h às 17h, numa parceria da prefeitura, por meio da Secid (Secretaria da Defesa da Cidadania), e governo estadual.

Os interessados podem se dirigir à tenda montada na faixa arenosa, junto à passarela ao lado do canal, onde estão disponíveis seis cadeiras (tipo anfíbias). A inscrição é feita no próprio local, após breve entrevista e assinatura de termo de responsabilidade para uso do equipamentos.

Cada participante pode usufruir das cadeiras por 30 minutos e conta com o apoio de fisioterapeutas e auxiliares. Mais informações pelo telefone 3201-5075.

 

Enhanced by Zemanta

Rodoviária passará por reforma e terá acesso para deficientes

A Rodoviária de Santos não será ampliada, nem modernizada e muito menos mudará de lugar. Mas a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), que administra o local, anunciou um projeto, feito pela Prodesan, para uma reforma parcial da Estação.

As cobranças por uma estrutura mais adequada, feitas há mais de uma década, foram colocadas novamente em pauta na sessão da última quarta-feira, na Câmara Municipal. Os vereadores cobraram energicamente as providências para melhorar as condições do terminal, especialmente na questão da acessibilidade.

O projeto prevê a instalação de plataformas hidráulicas acessíveis, sendo uma delas na frente da Rodoviária, na Praça dos Andradas, e outra na escadaria que dá acesso à área de estacionamento dos ônibus.

Também serão construídas três rampas, uma delas junto à entrada principal e outras duas nas áreas de partidas e chegadas dos ônibus. Hoje, já existem rampas para acesso dos cadeirantes nas laterais da edificação, mas o projeto prevê a ampliação destes pontos.

Os sanitários serão igualmente alvo das intervenções, com acessibilidade e criação de um fraldário no sanitário feminino. Haverá espaço com trocador para higienização de bebês. Ainda consta do projeto a substituição das telhas da cobertura.

Segundo a Prodesan, proprietária do imóvel e responsável pelas licitações, as obras têm início em aproximadamente um mês. Pelo cronograma, a expectativa é de que na próxima temporada de verão a Estação Rodoviária já esteja com o projeto implementado.

 

 

A Tribuna

Cadeiras anfíbias possibilitam banho de mar a partir de sábado

No próximo sábado, as pessoas portadoras de deficiência que queiram tomar banho de mar em Santos poderão contar com cadeiras anfíbias. O programa Praia Acessível será retomado no Dia Internacional das Pessoas com Deficiência.

Seis cadeiras especilamente adaptadas estarão à disposição na praia do Boqueirão, ao lado do canal 3, aos sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h, até maio de 2012.

Os interessados devem se dirigir à barraca armada no local pelo tablado de madeira ao lado da mureta do canal. Após breve cadastro, o deficiente poderá usar gratuitamente a cadeira especial, sob supervisão de um fisioterapeuta.

Encontro

Paralelamente ao início do ‘Praia Acessível’, a cidade será sede do 6º Encontro das Pessoas com Deficiência da Baixada Santista e Vale do Ribeira.

A programação seguirá até domingo. Os participantes do evento ficarão alojados na escola municipal João Papa Sobrinho, no Gonzaga, onde serão realizadas palestras e debates sobre inclusão e acessibilidade. No sábado, haverá visita ao Aquário.

Virada

No Sesc (Rua Conselheiro Ribas, 136, Aparecida), acontecerá a 2ª edição da Virada Inclusiva do Governo do Estado, que inclui cultura, lazer e esportes. No sábado, das 10h às 15h, estão previstos festivais de natação, artes plásticas e visuais, além de oficina sobre ferramentas digitais. E domingo, no mesmo horário, festivais de basquete e artes plásticas.

Enhanced by Zemanta