África é Tema de Exposição Fotográfica

exposição

A exposição “Retratos da África” do fotógrafo  Luiz Carlos dos Santos Júnior  retrata com cerca de 12 fotos, diversas paisagens naturais, animais e  tribos Maasai. Os  registros foram feitos na África do Sul, Botswana, Zâmbia, Quênia e Zimbábue.

A mostra será aberta nesta segunda-feira (20) e vai até 20 de fevereiro no Espaço Cultural Ana Costa que fica na entrada da Ala C da unidade hospitalar em Santos, na Rua Pedro Américo, 42, Campo Grande. O local funciona todos os dias, das 7h às 21h. A entrada é gratuita.

Museu do Café comemora a Semana da Consciência Negra

negros da africa

Comemorado nacionalmente em 20 de novembro, o dia da Consciência Negra marca um período de reflexão
e valorização da cultura africana, relembrando questões históricas e atuais sobre a formação da sociedade
brasileira. Pensando nisso, o Museu do Café, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, nos dias 20 e 21,
oferece aos visitantes duas atividades de dança voltadas especialmente para celebrar a data.

A programação começa com o Grupo Vícios Cia. de Dança, no dia 20, às 15h, que apresentará o Jazz Afro
Contemporâneo, com produção da Academia Backstage. A coreografia é inspirada nos movimentos das belas
cirandas dos rituais africanos, em busca da liberdade. “A dança é uma miscelânea de três estilos: o jazz, o
afro e o contemporâneo, criados para uma peça de teatro em que um dos personagens era afrodescendente”,
explica André Santos, diretor do grupo.

No dia seguinte (21), o Grupo Zabelê de Cultura Popular fará a apresentação de Maculelê na cúpula de
entrada do Museu do Café. A dança expressa, juntamente aos cânticos, a lenda de um jovem guerreiro que,
sozinho, conseguiu defender sua tribo de rivais usando apenas dois pedaços de pau. A lenda faz parte da
história da cultura afro-brasileira e acontecerá às 13h.

Ambas as atividades têm entrada gratuita. O Museu do Café fica localizado à rua XV de Novembro, 95, no
Centro Histórico de Santos. Excepcionalmente entre os meses de novembro e março, o Museu do Café
funciona de segunda a sábado, das 9h às 17h, e aos domingos entre 10h e 17h. Já a Cafeteria do Museu
funciona de segunda a sábado, das 9h às 18h, e aos domingos entre 10h e 18h.

Palestra “Fotografia da vida selvagem” no Centro Europeu

luiz carlos

O santista Luiz Carlos, fotografo e colunista da revista e site australiano Wildlife Images & News e também colunista da Overlanding Africa blog & newsletter, fará neste sábado (13), a partir das 10h30, palestra aberta sobre “Fotografia da vida selvagem” no Centro Europeu Santos. Para participar basta fazer a inscrição nasede da escola, à Rua Timbiras número 7, no Gonzaga, ou pelo telefone (13) 33011001.

Luiz Carlos começou a carreira em 1988, em Londres, e desde então já fotografou em 24 países, em quatro continentes. Fotógrafo de natureza, focado no continente africano, tem como especialidade – e paixão desde criança – fotos de felinos, em especial leões e guepardos. Já liderou três expedições para a África nos últimos três anos e participou de seis exposições nacionais. É fundador do Wildlife Project, uma organização que através de suas imagens mostra a importância da preservação da vida selvagem para crianças entre 5 e 6 anos de idade, assim como a iniciação de jovens adolescentes ao mundo da fotografia da natureza.

Inicialmente a fotografia era um hobby na vida de Luiz Carlos, porém, nos últimos três anos ela tem estado presente de forma profissional. Ele conta que aprendeu a fotografar com dois fotógrafos da revista alemã Burda, em Londres, e não parou mais.

A paixão pela África sempre esteve presente em sua vida. “Era um sonho de criança, com nove anos eu já fazia planos de um dia desembarcar naquele continente”. Atualmente ele tem um programa voluntário dentro de uma creche em Santos, que já dura cinco anos, onde dá aulas de inglês para crianças entre 5 e 6 anos.

Esse trabalho surgiu quando voltou da primeira expedição à África: “Passei um slide sobre o que havia fotografado e as crianças ficaram muito interessadas. Depois disso, eu acomodei o assunto vida selvagem dentro do programa que já estava em funcionamento. As viagens para a África são expedições, organizadas cuidadosamente e estudadas com certa antecedência. Elas podem trazer turistas, portanto, um pouco mais experientes e com quase zero nível de conforto”.

Seu projeto do coração ainda está no forno, porém quase pronto, conforme ele revela: “É um projeto para jovens. Já tenho desenhado o que vou fazer com eles. A ideia é dar oportunidade a adolescentes (apenas jovens carentes) para se iniciarem no mundo da fotografia, começando pela natureza. Pretendo montar pequenos grupos e promover saídas na nossa região em busca de imagens da natureza”.  E Luiz Carlos não para. Já está pensando na próxima expedição, que deverá acontecer ainda este ano, quando pretende voltar para a Tanzânia e passar dez dias entre Ngorongoro e Serengueti.

Enhanced by Zemanta

África Tecno Pop – Sesc Santos

Em comemoração ao dia da Consciência Negra o Sistema Kalakuta traz para Santos parte de sua pesquisa sobre gêneros africanos: Juju, Highlife, Afrobeats, Música Yorubá, Jazz, Funk, Soul Soukous, Afrorock, Afrofunk, Voodoo Funk, Räi, fundidos com a percussão africana. Na busca de suas raízes, resgata a consciência do povo brasileiro e desmistifica a África folclórica.

Bate Papo – Coletivo Sistema Kalakuta

Bate papo com os integrantes do coletivo e os santistas Maurão (DJ Dubkilla Dubilla do Coletivo Futuráfrica/ Santos) e J. Muniz Jr. (pesquisador do samba santista). DJ’s do Sistema Kalakuta: DJ Riffs – pesquisa músicas étnicas africanas, os Afrobeats influenciados pelo percussor do gênero Fela Kuti. DJ EdBráss é compositor, radicado há 5 anos em São Paulo, é considerado o precursor do Sound System em Salvador. DJ Dudoo Caribe, pesquisador da cultura popular dos sistemas de som e especialista no Reggae jamaicano e seus desdobramentos mundo afora. DJ Sankofa, natural de Gana, África, é considerado um dos grandes nomes da cultura africana em Salvador. 

Dia 20/11

Terça, às 15h.

Auditório

Grátis

Festa Afrobeat

Discotecagem com os DJ’s de Salvador: Sancofa, Riffs, Dudoo Caribe, Ed Brass e mais os santistas: Maurão (Dubkilla Dubilla) e J.Muniz Jr. 

Dia(s) 20/11

Terça, das 21h às 24h

Auditório

Grátis

Vivência Dança Afro

Com a dançarina Maria Helena Dias, santista, formanda da Universidade Federal da Bahia, estudante de danças brasileiras de matrizes africanas estabelecendo contato com expressividades, configurando um panorama mais amplo da cultura negra no Brasil, onde dança e música não se separam no contexto cultural, tanto tradicional, como contemporâneo.

Dia 20/11

Terça, às 16h30

Convivência

Grátis

A Vida Selvagem e a Africa no Shopping Parque Balneário

A Vida Selvagem na África é o tema da próxima exposição que chega ao Shopping Parque Balneário. Ate o dia 15 de outubro o fotógrafo Luiz Carlos Santos Jr expõe Galeria Balneário das artes, localizada no segundo piso do shopping – próximo a escada de acesso da praça de alimentação – imagens inéditas ,capturadas em junho deste ano ,durante uma viagem de 20 dias pelos desertos africanos .

O roteiro que incluiu a passagem por diversos lugares como Joanesburgo , santuário de Khana Rhin, Deserto Central Kalahari, Delta do Okavango. Com um extenso currículo e experiência em viagens e profundo conhecedor dos costumes deste continente,

Luiz Carlos teve seu trabalho premiado pelo canal de comunicação National Geographic, além de ser colunista e fotografo da revista e do site http://www.wildlifephotographynews.net. Também é dono do blog luizwildphotography. blogspot.com.br. Muito mais do que um projeto artístico, o visitante poderá notar em cada uma das imagens a espontaneidade dos animais, muitas curiosidades sobre a vida na selva além de refletir sobre o real papel do ser humano na natureza e a importância de sua preservação. Venha e embarque você também nessa aventura!

O Shopping funciona de segunda a sábado das 10 às 22 horas, domingo e feriados das 12 às 22 horas. O telefone de contato é (13) 3284 0360 – 3877-9072.

 

Shopping Parque Balneário

Avenida Ana Costa, 549 – Gonzaga