Eventos no Botânico comemoram aniversário e chegada da primavera

FelizPrimavera

Em comemoração à Semana da Primavera e aos 19 anos do Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro), a Secretaria do Meio Ambiente promove vários eventos no local, na próxima semana.

Na segunda (23) e sexta-feiras (27), crianças do Projeto Clube do Girassol, desenvolvido na escola municipal Waldery de Almeida sob coordenação de Valéria Gomes, contarão histórias com temas sobre o meio ambiente aos alunos da UME Bandeira Brasil. Na sequência, os estudantes fazem visita ao parque com o educador ambiental Pablo González.

Terça (24), 14h, Antônio Aires Filho, do herbário da Unisanta, faz palestra sobre evolução da microscopia na botânica. Na ocasião, a universidade doará dois microscópios e uma lupa para pesquisas. À tarde, alunos do Sistema COC de Ensino participam de jardinagem.

No dia do aniversário do parque, quarta-feira (25), haverá entrega de mudas aos voluntários que fazem plantios em vias públicas. No mesmo dia e também na quinta, alunos de escolas municipais participam do Laboratório de Botânica a Céu Aberto, com microscópios, lupas e as coleções de árvores do parque.

Feira de Orgânicos encerra programação da Semana Verde

organico

As atividades da 3ª Semana Verde terminam domingo (7), com a realização da 7ª Feira de Orgânicos, no Jardim Botânico Chico Mendes, rua João Fraccaroli s/nº. O evento, aberto ao público, ocorre das 9h às 14h.

Além de adquirir alimentos livres de agrotóxicos, o visitante poderá degustar receitas preparadas com ingredientes orgânicos, comprar produtos artesanais ecológicos e acompanhar diversas atividades culturais.

Serão comercializadas hortaliças, frutas, laticínios, cosméticos, artesanato em couro de peixe e artigos de mercearia, como geleias, refrigerantes e sucos.

A Semana Verde é uma iniciativa da Seção de Educação Ambiental, vinculada à Semam (Secretaria de Meio Ambiente).

Semana do Verde prossegue com contação de história

jardim botanico

A 3ª Semana do Verde, promovida pela Semam (Secretaria do Meio Ambiente), no Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº) segue nesta terça (2), com contação de história pelo ‘vovô’ Petrônio, do Programa Vovô Sabe Tudo, das 15h às 16h. A atividade é para crianças a partir de sete anos, acompanhadas dos país.

Nesta quarta (3), das 14h às 16h30, será realizado o ‘Jogo da Carta da Terra’, com jogos cooperativos para maiores de 10 anos, sobre os conceitos da defesa do meio ambiente, elaborado pela Unesco (Organização da Nações Unidas para a Educação).

A atividade será ministrada pelo engenheiro agrônomo Paulo Marco de Campos Gonçalves. A programação segue até domingo (7), com todas as atividades gratuitas.

Domingo tem feira de produtos orgânicos no Jardim Botânico

organico

Opção de lazer e compras, a 6ª Feira de Produtos Orgânicos será realizada domingo (2), das 9h às 14h, no Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro, zona noroeste). Abrindo a programação da Semana do Meio Ambiente, o evento ocorre no viveiro de plantas, próximo à entrada do parque.

Serão comercializadas hortaliças, frutas, laticínios e produtos de mercearia (molho de tomate, geleias, mel, refrigerante, sucos, entre outros), além de cosméticos orgânicos, como sabonetes e shampoos. Haverá também atividades culturais e esportivas, a começar com tai chi, às 9h, com Aparecida Marques, e, às 10h30, danças circulares com Irene Cotrim. Às 11h, com apoio da Secretaria de Cultura, música do tecladista Jaime Augusto e do trompetista Claudio Ricardo. Ainda serão distribuídas mudas de ipê roxo.

A feira é organizada pela Associação de Produtores Orgânicos do Vale do Ribeira e pelas empresas Santo Orgânico e Orgânicos Guarujá, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente. Entrada franca.

Enhanced by Zemanta

Sábado tem passeio da Linha Zona Noroeste

A Linha Conheça Santos-Zona Noroeste parte neste sábado (11), às 15h30, da Praça das Bandeiras (Gonzaga) com roteiro que inclui o Jardim Botânico Chico Mendes e as ruínas do Engenho de São Jorge dos Erasmos.
Há necessidade de inscrição, a partir das 13h, pelo telefone 3284-4375, ou pessoalmente no PIT (Posto de Informações Turísticas) instalado no bonde do Gonzaga, na Praça das Bandeiras.

Com cerca de 2h30 de duração, o passeio custa R$ 10,00 e tem acompanhamento de guia da prefeitura. Em caso de chuva, será suspenso.

Enhanced by Zemanta

Santos está repleta de boas opções de lazer no feriado

aquario

Natureza e história fazem parte do roteiro de lazer no feriado prolongado em Santos. São inúmeras opções gratuitas e de baixo custo para toda família, que vão da orla ao Centro Histórico e zona noroeste. Próximo ao maior jardim de orla marítima do mundo está o Aquário, atração mais visitada da cidade, com animais raros e curiosos, entre eles leão marinho, tubarão e pinguins.

A ciclovia é ideal para quem quer praticar esportes, e o Deck do Pescador, lugar certo para fisgar robalos e peixes-espada ou apenas contemplar a passagem de navios. No José Menino, o principal destaque é o Orquidário, onde vivem 400 animais, como tucanos, araras, corujas, felinos e primatas. Outras atrações do local são playground, jardim sensorial e trilha do mel.

Quem curte a natureza tem também como opção o Jardim Botânico Chico Mendes: uma área de 90 mil m² na zona noroeste, com mais de 300 espécies vegetais e diversas alamedas propícias para uma tranquila caminhada.

Para fazer uma viagem no tempo, nada melhor do que a linha turística do bonde e visitar o Palácio José Bonifácio (Paço Municipal), no Centro Histórico. Para conhecer um pouco de tudo da cidade a dica é o city tour da Linha Conheça Santos.

Roteiro cultural

Museus distribuídos em diversas regiões da cidade garantem uma agenda cultural variada. Para os amantes do esporte, boas opções são o Centro de Memória Esportiva De Vaney, com troféus conquistados por atletas da cidade desde 1939; e o Memorial das Conquistas do Santos FC (Vila Belmiro). Há ainda a Bolsa Oficial de Café, de 1922, com cafeteria, Sala dos Pregões e obras de Benedicto Calixto.

Outras opções são Miss (Museu da Imagem e Som de Santos), Museu de Arte Sacra, Museu do Porto e Pinacoteca Benedicto Calixto. Informações são obtidas pelo Disk Tour, no 0800-173887, todos os dias, das 8h às 20h.

Enhanced by Zemanta

Sábado tem passeio no Jardim Botânico e Engenho dos Erasmos

Conhecer o mais antigo e conservado engenho de cana-de-açúcar do país, que no século 16, por 70 anos, exportou açúcar e hoje é candidato a ‘Patrimônio da Humanidade’ pela Unesco, a agência da ONU para educação, ciências e cultura. Só por esse local já valeria embarcar na Linha Conheça Santos-Zona Noroeste, que sábado (9) promove mais um passeio, com saída às 15h30 da Praça das Bandeiras (praia do Gonzaga).

É preciso fazer reserva antecipada, a partir das 13h, pelo telefone 3284-4375. O passeio, suspenso em caso de chuva, tem monitoria de guia da Setur (Secretaria de Turismo) e duração aproximada de duas horas. A passagem custa R$ 10,00.

O roteiro tem início no Jardim Botânico Chico Mendes (Bom Retiro), com 90 mil m², onde são cultivadas plantas que ornamentam os espaços públicos. A visita conta acompanhamento de técnicos, que apresentam curiosidades de algumas das 300 espécies vegetais catalogadas. Há até palmeiras em risco de extinção.

Jardim Botânico abre recebe inscrições para curso de jardinagem

curso jardinagem

Estão abertas as inscrições para o 9º curso básico de jardinagem do Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº), de segunda a sexta, das 8h30 às 12h e das 13h às 16h30, pelo telefone 3209-8410 (ramal 8418).

Parceria entre a Seção de Educação Ambiental do parque, ligada à Secretaria de Meio Ambiente, e o programa Vovô Sabe Tudo, da pasta de Assistência Social, as aulas começam no próximo dia 6, às quartas-feiras, das 13h30 às 17h.

O curso é ministrado pela Vovó Florinda Stabile e neste ano será semestral, com aulas teóricas e práticas sem uso fertilizantes e adubos químicos. Alunos interessados em continuar o aprendizado poderão, no final do semestre, ingressar no curso avançado.

Santos oferece várias opções de lazer para as férias

ferias criancas

A chegada das férias de verão deixam as crianças e adolescentes ansiosos para brincar e se divertir. Em Santos não faltam alternativas para curtir os dias de folga. São diversas opções de museus e parques para manter a garotada longe da TV e dos computadores.

Quem quer andar de bicicleta, patins ou skate tem a Fonte do Sapo, na praia da Aparecida, como lugar ideal. O Parque Municipal Roberto Mário Santini, no emissário submarino, com mais de 42.000 m², também é um excelente ponto de encontro que conta com Museu do Surf, gibiteca, ciclovia, pista de skate e mesas para jogos. Outra atração é o Deck do Pescador (Ponta da Praia), onde pais e filhos podem testar suas habilidades em pescaria.

Se a ideia é curtir a natureza, na zona noroeste a opção é o Jardim Botânico Chico Mendes (Rua João Fraccaroli s/nº, tel. 3203-2905, Bom Retiro). Com entrada livre, fica aberto todos os dias, das 8h às 18h. O Engenho de São Jorge dos Erasmos (Rua Alan Cíber Pinto, 96, São Jorge, telefone 3203.3901) é o primeiro engenho de cana de açúcar da região.

Aquário e Orquidário
Os parques estão entre os mais visitados do Estado. Aberto de terça a sexta, das 9h às 17h45; e sábados, domingos e feriados, das 9h às 19h45, o Aquário (Praça Luiz La Scala s/nº, Ponta da Praia) preparou ampla programação gratuita. De 8 a 11 de janeiro, haverá atividades para crianças de cinco a oito anos.

De 15 a 18 de janeiro, as atividades destinam-se a quem tem entre 9 e 12 anos. Entre elas estão os cursos ‘Tubarões’, ‘Preservação do albatroz’ e ‘Conhecendo as conchas’, além da oficina de ‘Nós náuticos’ e da aula de stand up. Também serão projetados filmes, diariamente. Maiores de 13 anos e adultos têm programação especial no período de 22 a 25 de janeiro. Informações pelo telefone 3236.9996.

Já o Orquidário Municipal (Praça Washington s/nº, José Menino) recebe nesta quinta (3) e sexta (4), das 9h às 17h, inscrições para três cursos. Há 20 vagas para cada data e a inscrição será feita com cópia do RG ou da certidão de nascimento, além de uma lata de leite em pó, a ser destinada ao Fundo Social de Solidariedade.

Para o público de 9 a 11 anos, o parque preparou o curso ‘O ecocidadão-dormindo com os bichos’, nos dias 14, 15, 17 e 18 de janeiro, das 13h30 às 17h30 – os inscritos para o dia 16 entrarão às 17h, dormirão no Orquidário e sairão às 9h.
Também está prevista pernoite no dia 23, para os jovens de 12 a 15 anos inscritos no curso ‘Por um mundo sustentável – dormindo com os bichos’. O mesmo tema será abordado também nos dias 21, 22, 24 e 25.

Museus
O Museu do Mar (Rua República do Equador, 81, Ponta da Praia), possui o maior acervo de conchas do país e é uma ótima opção de entretenimento. Já o Museu Marítimo (Av. Governador Fernando Costa, 343, Ponta da Praia) possui réplicas de navios e bonecos vestidos de marinheiros. Ambos os estabelecimentos estão abertos diariamente, das 9h às 18h, com ingresso a R$ 10,00, mas no caso de visita aos dois, o valor passa a ser R$ 15,00 – crianças até 5 anos não pagam. O Museu de Pesca, também na Ponta da Praia, está fechado para reforma.

Outra dica de passeio é o Memorial das Conquistas do Santos FC, que reúne o acervo histórico e de conquistas do time. Fica na rua Princesa Isabel s/nº, Vila Belmiro, telefones 3257-4099 e 3257-4100. Funciona de terça a domingo, das 9h às 19h. Há visitas simples (R$ 6,00) e monitoradas (R$ 10,00) – crianças até seis anos e maiores de 60 não pagam.

Bonde turístico

Um passeio que agrada crianças e adultos é o da linha turística do bonde, pelo Centro Histórico. O itinerário tem 5 km e o veículo percorre 40 pontos de interesse cultural, arquitetônico e histórico. Os carros circulam de terça a domingo, das 11h às 17h. O ingresso custa R$ 5,00. Crianças até cinco anos são isentas e de 6 a 12 pagam 50%, desconto válido também para maiores de 60.

Feira de Orgânicos no Botânico oferece produtos saudáveis com bons preços

A 3ª Feira de Produtos Orgânicos, que acontece domingo (11), é opção de lazer de passeio e compras no Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro). O evento será realizado das 9h às 14h, no viveiro de plantas, próximo à entrada do parque, cuja entrada é gratuita.

Serão comercializados frango, ovos, hortaliças, frutas, palmito pupunha, temperos, laticínios, molho de tomate, macarrão, farinhas, geleias, bolos, mel e livros com temas ligados à agricultura orgânica. Os produtos vêm de diferentes regiões de São Paulo e alguns de outros estados.

A feira é organizada por produtores e comerciantes de produtos orgânicos (AOVale, Santo Orgânico, Orgânicos Guarujá, Sítio Caaeté e AAO), em parceria com a Semam (Secretaria de Meio Ambiente). Participam também representantes da Secretaria de Agricultura do Estado, da Associação de Agricultura Orgânica (AAO), que apoiam a iniciativa.

 

Reforma no Jardim Botânico Chico Mendes

O Jardim Botânico Chico Mendes ficará de cara nova. Em execução pela prefeitura, a revitalização tornará ainda mais atraente a segunda maior área verde da cidade – a primeira é o jardim da orla – e a principal atração da zona noroeste. A intervenção, realizada no lado direito do parque, ampliará as opções de lazer e proporcionará melhores condições de trabalho e de desenvolvimento dos programas ambientais.

Entre as novidades do projeto elaborado pela Semam (Secretaria de Meio Ambiente) está a construção de uma torre de observação com 20 metros de altura para contemplação da imensa área de 90 mil m² e da variedade de pássaros que desfrutam do parque.

Ela terá quatro patamares para diferentes pontos de visualização, sendo dois recuados para abrigar visitantes da chuva e do sol, e outros dois com amplo terraço. A partir do segundo andar, uma passarela ao ar livre fará interligação com a cobertura do ‘Cubo Cultural’ – outro destaque do projeto -, com 10 metros de altura. O desenho de um quadrado de dois lados vazados sugere o nome desse prédio, que além do terraço verde na área superior, terá espaço coberto voltado para práticas de ações educativas e artísticas.

O projeto prevê também um novo prédio administrativo destinado ao Depav (Departamento de Áreas Verdes), na extremidade do parque, com acesso direto à Rua Amadeu Barbielini. O Depav sairá da antiga casa, de 200 m², localizada na entrada do Botânico, que será adaptada para abrigar a Sala Verde/Biblioteca/Videoteca e a Coordenação de Parques Ambientais.

O setor passará a funcionar em um prédio de 300 m², com dois andares, contendo salas administrativas, de reunião, oficinas, três sanitários, vestiário, almoxarifado e estacionamento. Nesta quinta (11), 11 funcionários da empresa contratada finalizavam as fundações do edifício.

Outras melhorias

A revitalização abrangerá ainda as alamedas no entorno do lago, com design que utilizará concreto, paralelepípedo e madeira ecológica. “De traços contemporâneos, o projeto é totalmente acessível e com equipamentos que fomentarão a educação ambiental, a conservação da biodiversidade e o turismo. Um dos principais ganhos será a retirada dos caminhões de serviço do Depav do acesso principal ao parque, favorecendo o trânsito dos visitantes”, explicou o responsável pelo projeto, o arquiteto Adão Ribeiro.

Prevista para terminar em seis meses, a reforma tem custo orçado em R$ 1.095.256,55, verba oriunda do Fundo de Estâncias. A obra de revitalização do lado esquerdo do Jardim Botânico está em fase de estudo pelos técnicos da prefeitura.

Vocação

Atendendo às recomendações do Sistema Nacional de Registro de Jardins Botânicos, do Ministério do Meio Ambiente, o parque obteve importante conquista neste ano, com a classificação na categoria C do órgão.

A preservação de espécies de plantas, pesquisa e educação ambiental, além do cultivo de mudas para abastecer o jardim da praia e logradouros é o objetivo do Botânico.

O acervo do parque é formado por mais de 300 espécies vegetais, divididas em 20 coleções, com destaque para Mata Atlântica, Amazônia, espécies em extinção, como o pau-brasil, as árvores de madeira de lei e 65 tipos de palmeiras, inclusive a imperial, usada na arborização da Av. Ana Costa.

Para o público são oferecidos cursos de horta ecológica, permacultura (cultura permanente), jardinagem da vovó Florinda e observação de pássaros. E mais: programas de educação ambiental, trilhas com monitorias, biblioteca e brinquedoteca. Os lagos, alamedas e playground são outros chamarizes do parque, que costuma receber cerca de 3 mil visitantes por mês, incluindo os passageiros da Linha Conheça Santos – Zona Noroeste, uma dos serviços oferecidos pela Setur (Secretaria de Turismo). O endereço é Rua João Fraccaroli s/n°, Bom Retiro, e funciona diariamente, das 8h às 18h, com entrada franca.

Feira de Orquídeas é opção de lazer neste final de semana

Para quem gosta de curtir a natureza e cultivar flores, um bom programa para este final de semana é a  Feira de Orquídeas, neste sábado e domingo, das 8 às 18 horas, no Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/n°), na zona noroeste.  Entre as espécies, destacam-se a Cherry baby, com aroma de chocolate,  e  Dendrobium, com cheiro de mel.

Os visitantes podem adquirir ainda vasos plásticos, adubos orgânicos e químicos, caixetas e substrato adequado para as plantas. O serviço ‘SOS Orquídeas’ dá informações sobre  plantio, cultivo, quantidade de água, exposição ao sol, prevenção e controle de pragas e manutenção geral de orquídeas.

Enhanced by Zemanta

Passeio mostra beleza do Botânico e história do Engenho dos Erasmos

O Jardim Botânico Chico Mendes e o Monumento Nacional Ruínas do Engenho São Jorge dos Erasmos são as atrações deste sábado (15) da Linha Conheça Santos-Zona Noroeste, iniciativa da Setur (Secretaria de Turismo) em parceria com a Semam (Secretaria do Meio Ambiente).

O passeio, em micro-ônibus e acompanhamento de guia de turismo, começa às 15h30, com saída da praça das Bandeiras, no Gonzaga, e tem duração aproximada de duas horas. É preciso fazer reserva a partir das 13h, no próprio dia do roteiro, pelo telefone 3284-4375 ou no PIT (Posto de Informações Turísticas) do Gonzaga, na praça. A passagem custa R$ 10,00.

A primeira parada é no Jardim Botânico, que possui 90 mil m², acervo vivo com 20 coleções botânicas e mais de 300 espécies vegetais, algumas em extinção, como cedro, mogno e pau-brasil. Depois, os passageiros seguem para o engenho, o primeiro do país, construído em 1534, marco da importância do ciclo da cana-de-açúcar no século 16.

Passeio mostra beleza do Botânico e história do Engenho dos Erasmos

O Jardim Botânico Chico Mendes e o Monumento Nacional Ruínas do Engenho São Jorge dos Erasmos são as atrações deste sábado (15) da Linha Conheça Santos-Zona Noroeste, iniciativa da Setur (Secretaria de Turismo) em parceria com a Semam (Secretaria do Meio Ambiente).

O passeio, em micro-ônibus e acompanhamento de guia de turismo, começa às 15h30, com saída da praça das Bandeiras, no Gonzaga, e tem duração aproximada de duas horas. É preciso fazer reserva a partir das 13h, no próprio dia do roteiro, pelo telefone 3284-4375 ou no PIT (Posto de Informações Turísticas) do Gonzaga, na praça. A passagem custa R$ 10,00.

A primeira parada é no Jardim Botânico, que possui 90 mil m², acervo vivo com 20 coleções botânicas e mais de 300 espécies vegetais, algumas em extinção, como cedro, mogno e pau-brasil. Depois, os passageiros seguem para o engenho, o primeiro do país, construído em 1534, marco da importância do ciclo da cana-de-açúcar no século 16.

 

Enhanced by Zemanta

Prova de pedestrianismo na zona noroeste será disputada por 1.800 atletas

Dentro da programação do 36º aniversário da zona noroeste, a prefeitura promove domingo (19) prova de pedestrianismo com cerca de 1.800 atletas, que percorrerão 10 km, passando por cinco bairros. A largada, às 8h, será do Jardim Botânico Chico Mendes (rua João Fraccaroli s/nº), no Bom Retiro, também ponto de chegada.

A prova da zona noroeste é mais uma etapa do Campeonato Santista de Pedestrianismo. A organização é da Semes (Secretaria de Esportes), em parceria com o Dear-ZNO (Departamento de Administração Regional da Zona Noroeste). Apoio: Poupafarma, Colégio Stella Maris, Mega Imagem, Sigma Transportes e Vitshop.

Enhanced by Zemanta

Feira de Orquídeas é opção de lazer no Jardim Botânico Chico Mendes

Uma boa opção de passeio para este fim de semana é a Feira de Orquídeas no Jardim Botânico Chico Mendes, que funciona a partir deste sábado (7) a segunda-feira (9), das 8h às 18h, no viveiro de plantas do parque, com ingresso livre. Estarão expostas inúmeras espécies de híbridos de mudas nacionais e estrangeiras e plantas adultas floridas.

Entre os destaques da mostra estão as orquídeas Calanthe vestita, originária do Japão, e a Vanda azul. Além das coloridas e perfumadas flores, estarão à venda vasos plásticos, adubos químicos e orgânicos, caixeta e substrato para orquídeas. O endereço é Rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro.

Botânico e engenho do século 16, os atrativos de passeio na Zona Noroeste

O Jardim Botânico Chico Mendes e o Engenho de São Jorge dos Erasmos são as atrações da Linha Conheça Santos – Zona Noroeste, que tem mais uma edição neste sábado (19), às 15h30, com saída da Praça das Bandeiras, no Gonzaga. É preciso fazer reserva no próprio dia, a partir das 13h, pelo telefone 3284-4375, ou no PIT (Posto de Informações Turísticas), que fica no bonde estacionado na praça.

Organizado pela Setur (Secretaria de Turismo), em parceria com a Semam (Secretaria do Meio Ambiente), o roteiro começa no Botânico, que conta com cerca de 300 espécies vegetais e acervo vivo com 20 coleções botânicas.

Na sequência, o micro-ônibus segue para o engenho, construído no século 16, onde foi produzida cana para exportação. O passeio, monitorado por guia de turismo da Setur, dura 2h30. A passagem custa R$ 10,00. Outras informações podem ser obtidas no Disk Tour 0800-173887.

Jardim Botânico inscreve para programa Histórias no Jardim

Estão abertas as inscrições para o curso de contador de histórias no Jardim Botânico, na Zona Noroeste, ministrado pelo ator e professor Fernando Rino, da Secult (Secretaria de Cultura).

Segundo a Coordenadoria de Parques Ambientais, da Semam (Secretaria de Meio Ambiente), o objetivo do programa Histórias no Jardim é conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação ambiental, de forma lúdica e com linguagem simples. Ao longo dos três anos do programa, 20 contadores de história foram capacitados e 2 mil crianças atendidas.

Com três meses de duração, o curso tem início no dia 17, às 14h. Alunos que já o fizeram podem atuar como contadores de história voluntários. As seções de histórias acontecerão às segundas-feiras, das 9h às 11h e das 14h30 às 16h30, e às quintas, das 9h às 11h. Informações pelo telefone 3299-7878. O Jardim Botânico fica na Rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro.

Enhanced by Zemanta

Santos oferece lazer e entretenimento em passeios gratuitos

O fim de semana prolongado é uma oportunidade para turistas e santistas aproveitarem para visitar ou participar das atrações que a cidade oferece no Centro Histórico, orla e Zona Noroeste. As possibilidades incluem desde visitação a parques públicos e museus, apresentações musicais ao ar livre, feiras de artesanato, caminhadas pelas alamedas dos jardins ou no calçadão praia, pedaladas nas ciclovia, ginástica, leitura ou a contemplação da natureza.

A escolha do programa pode ser feita nos PITs (Postos de Informações Turísticas), onde é possível obter dicas de roteiros, culinária, endereços e preços das atrações, além da programação cultural e esportiva dos finais de semana.

O Centro Histórico conta com com um posto na Rodoviária e outro na Estação Buck Jones (Praça Mauá). À beira-mar são quatro: Aquário (Ponta da Praia), Central Metropolitana de Informações Turísticas (antiga Ilha de Conveniência, na praia do Boqueirão), Bonde do Gonzaga (Praça das Bandeiras) e Parque Municipal Roberto Mário Santini (emissário submarino).

História
No Centro Histórico, a pedida é fazer o trajeto de cinco quilômetros da linha turística do bonde, que passa por 40 pontos de interesse histórico e cultural, acompanhado por guia da Setur (Secretaria de Turismo). O roteiro inclui o Outeiro de Santa Catarina (marco da fundação da cidade), Casa do Trem Bélico, Igreja do Convento do Carmo, Pantheon dos Andradas e Paço Municipal.

Passa também pela Casa da Frontaria Azulejada, Bolsa do Café, Estação do Valongo, o futuro Museu Pelé, Palácio Saturnino de Brito e a Catedral. O passeio custa R$ 5,00.

Na orla
Mais que o banho de mar, a orla é um imenso espaço que pode ser aproveitado para descanso ou a prática de atividades esportivas e de lazer. São 5.335 metros de extensão, englobando os passeios externo e interno, ciclovia, alamedas e canteiros. Partindo do José Menino sentido Ponta da Praia, a primeira atração é o Parque Municipal Roberto Mário Santini sobre a plataforma do emissário.

Há espaço para prática de skate, caminhadas, playground e o Museu do Surf, com a história do esporte na cidade. Aos domingos, a Secult (Secretaria de Cultura) promove o projeto Música no Quebra-Mar, às 19h.

Seguindo pelo jardim, podem ser encontrados monumentos e bustos de personalidades que contribuíram para o desenvolvimento da cidade. No Boqueirão, encontram-se a Gibiteca Marcel Rodrigues Paes (Posto 5) e a FeirArte, que ocorre aos sábados, das 15h às 22h.

Na sequência, a Biblioteca Municipal Mário Faria (Posto 6) e a Fonte do Sapo, na Aparecida, onde acontece o ‘Baile na Praia’, aos domingos. O roteiro inclui ainda o Aquário e o Deck do Pescador, ambos na Ponta da Praia.

Zona Noroeste
A Zona Noroeste oferece dois pontos de interesse turístico e cultural: o Jardim Botânico Chico Mendes, com 90 mil m², onde são cultivadas as plantas que ornamentam jardins e praças da cidade, e o Engenho de São Jorge dos Erasmos, o mais antigo engenho de cana-de-açúcar do país.

Enhanced by Zemanta

Feira de orquídeas é opção de lazer para o final de semana prolongado

Neste fim de semana prolongado, a boa dica de passeio para quem aprecia a natureza é conferir a Feira de Orquídeas que será realizada de sexta (6) a domingo (8), das 8h às 18h, no Jardim Botânico Chico Mendes (Rua João Fraccaroli s/nº, Bom Retiro). A mostra reúne mudas nacionais e estrangeiras, plantas adultas em embalagem para presente e até orquídeas com aroma de chocolate. Além da venda de plantas, vasos e adubos, haverá o serivço SOS Orquídea, de informações sobre plantio, cultivo, exposição ao sol, controle de pragas e manutenção das espécies. Ingresso livre.

 

Enhanced by Zemanta