Quiosques do Canal 6 serão entregues nesta sexta-feira

quiosques

Os novos quiosques da orla, localizados no canal 6, serão entregues nesta sexta-feira (21), às 9h30, pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa.

Foram construídos dois conjuntos, com quatro boxes para permissionários e mais uma unidade para o comércio de coco. Com layout arrojado, os novos equipamentos seguem o padrão dos que foram entregues anteriormente, nos canais 2 e 3. A conclusão da obra cumpre o cronograma previsto pela Siedi (Secretaria e Infraestrutura e Edificações), responsável pelo projeto.

De formato retangular, cada unidade tem 12 m². O piso externo é de mosaico português, com a parte interna da praça de alimentação em concreto desempenado. A edificação ainda possui mesas, bancos, lixeiras e sanitários (feminino, masculino e adaptados para deficientes).

Os quiosques em frente à Basílica do Embaré devem estar prontos até o final de julho. No local serão seis unidades, cada uma com dois boxes, totalizando 12 permissionários e mais dois quiosques de coco.

Próximas reformas

Após a entrega dos dois pontos, a Siedi se reunirá com a Associação dos Quiosqueiros de Santos para definir como e quando as próximas reformas serão realizadas nos comércios dos canais 1, 4 e 5. O projeto completo compreende a instalação de 30 módulos (60 quiosques) em toda a extensão da praia.

Quiosqueiros são removidos do Embaré

quiosques

Oito quiosqueiros que atuam na orla de Santos, em frente à Igreja do Embaré, começam a ser removidos nesta semana para outros pontos na praia. A medida é necessária para que a Secretaria de Infraestrutura e Edificações possa fazer a demolição dos quiosques antigos e iniciar a construção dos novos módulos, a exemplo dos já entregues nos canais 2 e 3.

Conforme informações do Departamento de Fiscalização de mercados e Comércio Viário (Defisco), os comerciantes serão transferidos para quiosques vazios nos canais 4 e 1, até os novos ficarem prontos. Outros 12 permissionários do local já haviam sido remanejados.

Reurbanização

Orçada em R$ 11.268.534,49, a reurbanização da orla está prevista para terminar em maio de 2013. O novo layout da reurbanização da orla é bem diferente do anterior. No total, haverá 30 módulos, que correspondem a 60 quiosques, cada um com 12 m².

 

A Tribuna

Quiosques do canal 3 passam a atender ao público neste domingo

O eixo turístico do Gonzaga começa a ganhar cara nova. Quatro novos quiosques do Canal 3 passam a atender ao público a partir deste domingo. Na manhã deste sábado, os comerciantes já receberam as chaves do estabelecimentos.

Além de toda estrutura necessária para a comercialização de alimentos, a área conta com sanitários, nove mesas para jogos e recreações, equipamento de ginástica para terceira idade e playground. “Agora vai ficar mais organizado, com mais espaço e maior limpeza”, festeja o vendedor de côco Fernando Pereira da Silva.

Outro ponto importante, atendendo uma reivindicação da comunidade, é que ela terá acessibilidade inclusive nas mesas, onde haverá espaço para cadeirantes.

Já na Ana Costa, no trecho entre as praças da Bandeira e Independência, a grande novidade são as calçadas permeáveis e a iluminação, com novos postes de luz e fiação aterrada.

Com o novo piso, além do melhor escoamento das águas da chuva, os pedestres terão mais conforto para circular. “Nada como uma calçada bem feita para quem, como eu, tem dificuldade para andar”, afirma a aposentada Carmelinda Ramalho.

A via também conta com ipês amarelos, novo modelo de bancas, bancos e floreiras – que lembram o desenho da mureta da orla da praia. Essa ilustração também está em dois totens instalados no canteiro central.

A Tribuna

Quiosques do canal 3 passam a atender ao público no dia 20

O eixo turístico do Gonzaga começa a ganhar cara nova nos próximos dias. A Avenida Ana Costa e os quiosques do Canal 3 estão em obras de revitalização. Quatro novos quiosques passam a atender ao público a partir do dia 20.

Além de toda estrutura necessária para a comercialização de alimentos, a área conta com sanitários, nove mesas para jogos e recreações, equipamento de ginástica para terceira idade e playground. “Agora vai ficar mais organizado, com mais espaço e maior limpeza”, festeja o vendedor de coco Fernando Pereira da Silva.

Outro ponto importante desta obra, atendendo uma reivindicação da comunidade, é que ela terá acessibilidade inclusive nas mesas, onde haverá espaço para cadeirantes.

Já na Ana Costa, no trecho entre as praças da Bandeira e Independência, onde as obras estão em andamento, a grande novidade são as calçadas permeáveis e a iluminação, com novos postes de luz e fiação aterrada.

Com o novo piso, além do melhor escoamento das águas da chuva, os pedestres terão mais conforto para circular. “Nada como uma calçada bem feita para quem, como eu, tem dificuldade para andar”, afirma a aposentada Carmelinda Ramalho.
A via também conta com ipês amarelos, novo modelo de bancas, bancos e floreiras – que lembram o desenho da mureta da orla da praia. Essa ilustração também está em dois totens instalados no canteiro central.

As palmeiras também ganham iluminação de leds, que permite mudança de cor, de acordo com a ocasião.

“As obras, previstas para terminar em março de 2013, levam em consideração a sustentabilidade e a acessibilidade”, explica Nilson Barreiro, secretário de Infraestrutura e Edifi-cações.

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Santos-Praia, Nicolau Obeidi, essa reforma é positiva para o turismo. “A região fica mais bonita e o piso e a estilização da mureta da praia podem servir para toda a parte comercial da Avenida Ana Costa”, afirma.

 

A Tribuna

 

Construção dos novos quiosques do canal 3 está na fase final

Em fase final de acabamento, cerca de 90% das obras de reconstrução do conjunto de quiosques ao lado do canal 3 já foram concluídas. Com estruturas modernas e confortáveis e layout novo e arrojado, a prefeitura conclui a reurbanização do trecho, onde foram construídos quatro quiosques, área para comercialização de coco, sanitários, playground, além de mesas para jogos e recreação. De acordo com a Siedi (Secretaria de Infraestrutura e Edificações), a obra deve ser entregue no próximo dia 15.

No momento, trabalhadores finalizam a colocação da estrutura metálica de cobertura dos telhados e instalação dos bancos. A parte elétrica interna já foi terminada, restando apenas a ligação externa de alimentação de energia. Os quiosques possuem pias e bancadas em granito, metais, louças, paineis de vidro deslizante. Haverá também instalação de gás natural, água e esgoto.

De acordo com o arquiteto Glaucus Farinello, o piso foi nivelado e os paralelepípedos substituídos por concreto desempenado, garantindo melhor acessibilidade e segurança. “Esta é uma obra moderna e funcional que beneficia santistas e turistas”.


Reurbanização

Orçada em R$ 11.268.534,49, a reurbanização da orla está prevista para terminar em maio de 2013 e tem apoio dos permissionários, que estão sendo realocados temporariamente para quiosques anteriormente desativados. A reconstrução dos pontos de venda de lanches segue em mais dois pontos. No canal 6, os quiosques estão em fase de revestimento e já foi iniciada a segunda etapa da obra, com a construção dos sanitários. A previsão de entrega é para janeiro de 2013.

A outra parte do projeto continua em frente à Igreja do Embaré, que está em fase inicial de demolição dos antigos quiosques. O novo layout da reurbanização da orla é bem diferente do anterior. No total, haverá 30 módulos, que correspondem a 60 quiosques, cada um com 12 m².

Além dos tradicionais lanches, novos quiosques prometem pizza e temaki no cardápio

Os permissionários dos quiosques da orla da praia que ficam ao lado do Canal 2, em Santos, estão de casa nova. A Prefeitura inaugurou as primeiras 16 unidades do projeto de reurbanização. Os sanitários também foram reformados e a praça de alimentação ganhou mais amplitude, além de reforço de iluminação.

Outro fator que chama a atenção é que, além dos tradicionais lanches, as unidades oferecem pizzas, temakis e panquecas. “Através da diversificação dos produtos oferecidos, vamos atrair mais famílias, crianças, jovens, universitários”, destaca o prefeito João Paulo Tavares Papa.

Presente à inauguração, o prefeito destaca que, mesmo com os quiosques em obras, os permissionários não interromperam suas atividades, já que foram deslocados para outras unidades. “Todos trabalharam. Ao mesmo tempo, regularizamos a vida de todos. As permissões eram antigas, tinham problemas, pendências jurídicas, financeiras. A obra não é só arquitetura, mas é social acima de tudo”.

Satisfeito com o resultado, José Vilmar Fernandes da Silva, que está no ramo há 31 anos, diz que a variação do cardápio é fruto dos cursos realizados pela Prefeitura e o Sebrae. “Os cursos mudaram a cabeça das pessoas, que trabalhavam há muito tempo com um segmento”.

É importante salientar que os permissionários devem seguir uma série de normas, conforme explica o secretário municipal de Infraestrutura e Edificações, Nilson da Piedade Barreiro. “Tudo tem um padrão estabelecido pela Secretaria de Finanças. Por exemplo, não pode ter banner do lado de fora. Toldo (para proteger da chuva) será permitido, mas em uma forma determinada por nós. Já as grades estão proibidas. Pode apenas colocar uma película nos vidros”.

 

A Tribuna

Novos quiosques juntos ao canal 2 funcionam a partir de quarta

Novidade para santistas e turistas: os 16 quiosques ao lado do canal 2, na orla da praia, reconstruídos pela prefeitura, e dois pontos de venda de coco estão prontos. Eles começam a funcionar na próxima quarta-feira (31), a pedido dos permissionários, que receberam as chaves das unidades.

A área recebeu novo layout, iniciando pelos quiosques que ganharam formato retangular e estão maiores, passado de 9 m² para 12 m². A cobertura é de estrutura metálica e o revestimento interno na cor azul, com pia e ampla bancada em granito. Além disso, foram instalados metais, louças, coifa e painel de vidro deslizante. Por fora, detalhes em alumínio e acabamento com material que imita madeira garante ar rústico à decoração.

O trecho foi reurbanizado, com piso nivelado e antigos paralelepípedos trocados por concreto desempenado, garantindo melhor acessibilidade e segurança. Recebeu novo paisagismo, sanitários remodelados (feminino, masculino e adaptados para deficientes), lixeiras e alamedas que ajudam na circulação do público e na melhor distribuição dos módulos. Os visitantes também encontrarão mais mesas e bancos fixos, agora em concreto com tampo de granito e playground.

“A partir desse projeto, os permissionários terão mais espaço para atender os clientes e infraestrutura adequada para o trabalho”, disse o secretário de Infraestrutura e Edificações, Nilson Barreiro. Enquanto as obras eram realizadas, os permissionários desse trecho e os demais que atuam nos quiosques da orla participaram de dois cursos de qualificação propostos pela prefeitura e ministrados pelo Sebrae.

O primeiro ‘Sabor & Gestão’ abordou temas como organização e controle da atividade – alimentação fora de casa. Já no segundo, ‘Juntos Somos Fortes’, foi ressaltado o negócio coletivo, envolvendo amigos ou pessoas da mesma comunidade.

Obras

A reconstrução dos quiosques ocorrerá em toda orla, com 30 novos módulos (60 quiosques) e 16 pontos de venda de coco. A obra segue em dois pontos: ao lado do canais 3 e 6, ambos na fase de revestimento. Orçada em R$ 11.268.534,49, a reurbanização está prevista para terminar em 2013 e conta com apoio dos permissionários transferidos temporariamente para os quiosques desativados.

Em breve, Canal 2 estará com novos quiosques

Até o dia 10 de setembro, os 16 quiosques do Canal 2 serão devolvidos aos permissionários. A informação do prazo foi divulgada  pelo secretário de Infraestrutura e Edificações (Siedi), Nilson Barreiro. No fim do mês, os primeiros comerciantes já ocuparão os novos boxes do lado direito do canal.

Barreiro explica que as obras estão em fase de acabamento. Na próxima semana, os telhados serão colocados. A notícia foi bem recebida pelos permissionários que saíram do local para que as obras começassem, e foram transferidos para outros quiosques desativados. “Fico contente porque vou ter de volta os clientes que frequentavam bastante meu ponto”, avalia Laci Ercides Simão, o Alemão, que será um dos primeiros a mudar.

Ele resume o sentimento de outros colegas. Simão está há quase seis meses no conjunto de quiosques em frente à Igreja do Embaré. Distante do local de origem, onde começou há 28 anos, afirma que seu faturamento caiu cerca de 40% por mês, em média.

O secretário informa que a obra do Canal 2 está adiantada. Nos últimos dias, os operários atuavam no canteiro dos jardins, na colocação de pastilhas na área interna dos quiosques, faziam revestimento em argamassa do sanitário. Toda infraestrutura para instalação das redes elétrica e hidráulica está praticamente concluída.

Segundo Barreiro, as intervenções estão ocorrendo simultaneamente em outros locais. Nesta semana, os quiosques do Canal 3 entraram em fase de concretagem. No Canal 6, parte dos antigos equipamentos começou a ser demolida. O banheiro será mantido para continuar a atender a clientela dos quiosques que ficarão abertos.

 

A Tribuna

Obras dos quiosques na orla de Santos entram em sua fase final

A  primeira etapa da recuperação dos quiosques da orla de Santos entrou em sua fase final. Com suas estruturas de concreto já erguidas, os quiosques do Canal 2 (na direção da Avenida Bernardino de Campos) devem ser entregues pela Prefeitura no dia 30.

O prazo inicial para a conclusão das obras nesse trecho era o último dia de junho. No entanto, o longo período de chuvas na Cidade, no mês passado, prejudicou a reforma. Segundo o secretário de Infraestrutura e Edificações do Município, Nilson da Piedade Barreiro, o começo dos trabalhos exigiu muitas conversas com os permissionários dos quiosques de toda a orla.

O prazo estipulado em contrato para a entrega completa da obra era de oito meses. Porém, isso ocorreria desde que todos os estabelecimentos estivessem fechados para a realização da reforma.

Veja o que vai mudar

 >>Lixeiras

No novo mobiliário urbano, serão instalados nove bicicletários e 17 conjuntos de lixeiras ecológicas, que serão rebaixados para dar maior visibilidade à praia

 

>> Acessibilidade

O projeto de reurbanização da orla prevê ainda ajustes na acessibilidade de deficientes físicos. Serão feitas mais duas rampas e a eliminação de escadas para as pontes que atravessam os canais

 

>> Ginástica

Ao longo da orla, haverá três áreas com equipamentos para idosos e um local para piqueniques próximo à Concha Acústica

 

>> Iluminação e ciclovia

A Prefeitura vai substituir 42 2luminárias e postes  da ciclovia da orla e da calçada interna do jardim. Além disso,serão instaladas 673 novas luminárias entre balizadores de sinalização para a ciclovia e refletores dos jardins.

 

A Tribuna