Nova camisa do Santos tem como referência orla da cidade

76202

Com temática inspirada na noite do litoral paulista, a Nike revelou o terceiro uniforme do Santos. A equipe, que mantem o branco como primeira opção e o listrado como segunda, usará em algumas ocasiões o azul escuro com a gola em amarelo e detalhes em branco  simbolizando as luzes  da cidade da cidade-sede da equipe no mar.

camisa_santos-div

“No primeiro ano após o Centenário quisemos homenagear a cidade, a noite e a orla de Santos”, comenta o designer responsável pela criação do modelo, Maurício Cordel. A estreia do uniforme será dia 7 de setembro, contra o Goiás, em partida válida pela 19ª rodada do Brasileirão, na Vila Belmiro (SP). As vendas para os torcedores começam um dia antes e custarão R$ 199,90 (masculino), R$ 169,90 (feminino) e R$ 159,90 (infantil).

 

Agência Estado.

 

Santos já vende camisas de Montillo, que fará exames na segunda-feira

montillo

O Santos aguarda para a próxima segunda-feira a chegada do meia argentino Montillo, reforço mais badalado da temporada e anunciado nesta última quinta-feira. Na ocasião, o jogador de 28 anos realizará exames médicos e assinará contrato por três temporadas. Posteriormente, ele deve ser apresentado ao longo da semana.

Enquanto o reforço não chega da Argentina, o Alvinegro aproveita para iniciar a pré-venda de camisas número 10 com seu nome pela internet. O uniforme branco é vendido por R$ 99,90 e o azul-turquesa, feito especialmente para o centenário, custa R$ 199,90.

123-6001-014_a

O argentino foi elogiado pelo técnico Muricy Ramalho, que procurava um novo meia desde a saída de Paulo Henrique Ganso para o São Paulo. Apesar disso, o treinador não enxerga no argentino características parecidas com a do agora camisa 10 do Tricolor.

– Sabemos do sacrifício da diretoria e ele também sabe, por isso está muito contente. Esperamos o retorno no campo e com certeza ele dará, pelas características como jogador e pelas informações que tivemos do profissional excelente que é. Tenho ideia de como ele gosta de jogar, fazendo a ligação e chegando até a área. Ele é mais um camisa oito e meio, pois avança para fazer gols também. Vamos respeitar essas características – promete o treinador.

Para concretizar a negociação com o Cruzeiro, o Peixe pagou 6 milhões de euros (aproximadamente R$ 16 milhões) e cedeu o volante Henrique por 60% dos direitos econômicos do jogador. A vontade do argentino de atuar ao lado do amigo Neymar foi fundamental para o desfecho positivo a favor dos santistas. Ao longo das tratativas, o craque da Vila manteve conversas com o meia. A ajuda do banco BMG, patrocinador principal do uniforme do Alvinegro e do time mineiro, além de dono de 20% dos direitos do jogador, também contribuiu.

Exceção feita a Montillo, os demais reforços já estão concentrados no CT Rei Pelé. Renê Júnior (volante), Pinga (meia) e Neto (zagueiro), oficializados pelo Peixe, além de Guilherme Santos (lateral-esquerdo) e Cícero (meia), prestes a serem anunciados, fazem testes físicos junto com o restante do elenco.

 

Globo Esporte

Enhanced by Zemanta